• (17) 3222-2648
  • faleconosco@clinicainclusiva.com.br
Oficina de memória e estimulação cognitiva

Oficina de memória e estimulação cognitiva

Conceito:
Nosso cérebro precisa de exercícios diários de forma constante, da mesma forma que nosso corpo necessita das atividades físicas para o fortalecimento dos músculos. O declínio de nossas funções mentais e de processos neurológicos ocorre pelo processo de envelhecimento, por transtornos patológicos congênitos ou adquiridos.
As deficiências mentais, as alterações neurológicas e cognitivas provocam consequências que acometem a vida do paciente e de seus familiares.

Oficina da memória e estimulação cognitiva na Inclusiva:
Metodologia: o trabalho é desenvolvido em grupo aberto, contínuo, com média de 10 idosos. Os encontros são semanais, com duração de 90 minutos. É realizada uma avaliação antes do ingresso no grupo e ao final de cada ano letivo, que consiste em uma entrevista semiestruturada e na aplicação de testes e escalas (MEEM, EDG, teste do relógio, desenho de figura humana, bem-estar subjetivo e Lawton). O grupo é formado, principalmente, por mulheres com idades de 71 a 89 anos e com 1 a 16 anos de estudo. Todos apresentam prejuízo cognitivo que varia de um possível CCL a um quadro de Síndrome Demencial em estágio inicial/moderado. As doenças mais prevalentes no grupo são depressão e HAS, sendo a fragilidade física e/ou emocional uma característica comum. As aulas exploram temas variados pertinentes à realidade do grupo, com dinâmicas e apresentações multimídia e seguem as seguintes etapas: acolhimento com orientação espacial e temporal, revisão dos nomes, trabalho de consciência corporal e coordenação motora, memória de longo prazo (MLP) recente (notícias da semana), introdução do tema com resgate de MLP remota, atividade principal com jogos e exercícios variados, encerramento com tarefa para casa relacionada ao tema tratado.

Benefícios:
Indicação
• Adultos e idosos com alterações cognitivas.
• Dificuldades de memorização, atenção, concentração.
• Paciente com falta de noção espacial e temporal.
• Patologias congênitas ou adquiridas (Acidente Vascular Cerebral, Alzheimer.

Contraindicação:
• Pacientes que estão com alteração físicas ou mentais que o impossibilitem permanecer em grupo.